Os tipos de fotografia

09:07

Acho que pra começar a falar da fotografia, uma ótima coisa seria começar a falar sobre os tipos existentes na fotografia.
Isso mesmo, ser fotógrafo não é saber tirar foto de tudo com maestria, você normalmente trabalhará em nichos e deve escolher aquele que mais te satisfaz e cativa.
Nada impede que você mude no meio do caminho o seu nicho, é sempre bom começar a aprender outros estilos. Mas pra iniciar, tenta descobrir qual é o seu preferido e se especializa naquele (acho que eu não decidi muito ainda, tô vagueando por uns 3 ou 4).

Aqui embaixo vou falar sobre alguns tipos rapidamente, e mais pra frente posso trazer mais especificamente sobre cada um, principalmente sobre aqueles em que me encaixo como fotógrafa.

1. Fotografia Arquitetônica:
O tipo de fotografia que se preocupa com linhas, simetria e angulação mais do que qualquer outra. As fotos arquitetônicas podem ser externas ou internas e normalmente são muito utilizadas por arquitetos e até imobiliárias, muitos arquitetos acabam descobrindo como fotografar dessa forma para ajudar em seus projetos. Um fotógrafo que atua nesse nicho deve ter completa noção da estrutura que está fotografando assim como a luz que tem, seja ela natural ou artificial, e deve trabalhar com elas de forma que favoreça as linhas e a construção em si.


杭州西湖Apple store by 川 白 on 500px.com
by 川 白
2. Fotografia de Produtos:
Um nicho que tem crescido muito ultimamente e que facilita o "trabalhar em casa" do fotógrafo. Esse estilo fotografa objetos, seja em estúdio, fundo simples para destaque do próprio, ou então em meio à um ambiente que combine com ele. O maior segredo dessas fotos é a luz que incide (e como incide) sobre o objeto.
Muitas marcas contratam fotógrafos para que realizem esse tipo de serviço, todas as fotos que você vê por aí de tênis Nike ou relógios, são tiradas por fotógrafos de produtos e não qualquer tipo de fotógrafo.
3. Fotografia de Alimentos:
Essas podem ser captadas até mesmo por um bom celular, as redes sociais foi o principal motivo para o aumento desse mercado. Fotografando nossos próprios pratos todos os dias fizemos com que grandes marcas se importassem com como suas comidas apareceriam para o público e entenderam que a foto poderia lhes deixar muito mais apetitosas do que realmente pareciam. A saturação de cor é um grande segredo da sua vontade de comer hambúrguer.
4. Fotografia de Retratos:
O motivo principal para o início da fotografia = capturar a imagem de pessoas. E hoje, praticamente qualquer pessoa com um smartphone consegue ser um retratista. A finalidade desse estilo fotógrafo é capturar a beleza (e a essência, pra mim) da pessoa que está à sua frente. Normalmente esse nicho prefere poses, mas às vezes pode captar a espontaneidade das pessoas, o que acaba se misturando com "candid photography", que vou falar no tópico 5.

5. Candid Photography (ou fotografia sincera):
Esse é o tipo de fotografia espontânea, que o "assunto" está distante da ideia de estar sendo fotografado, isso não significa que ele não saiba. Muitas fotografias espontâneas podem estar dentro de ensaios fotográficos ou festas de casamento e etc, assim como podem ser encontradas em fotografias de rua.
É muito bom que você tenha uma lente com um bom zoom para o caso dessas fotos, já que as pessoas serão mais espontâneas ao passo que o fotógrafo não é percebido, estando mais distante. Porém uma 50mm já é maravilhosa para retratos.
Para mim, as melhores fotos de pessoas são as fotografias espontâneas.
6. Fotografia de paisagens:
Quando você pensa em fotografia de natureza, existem diversos pontos dentro dela, nichos que você pode separar ainda mais. Um deles é a fotografia de paisagens. Caso você goste ou viaje muito, esse é um ótimo nicho para percorrer.
7. Macrofotografia:
Dentro da fotografia de natureza, a macrofotografia é muito utilizada para captura de detalhes de plantas e principalmente de insetos. Esse tipo de fotografia pede por lentes específicas, como lentes macro, mas você pode conseguir resultados semelhantes caso tenha um ótimo controle de sua lente. Posso mostrar algumas fotos que fiz com uma 18-55mm.
8. Fotografia de Vida Selvagem:
Sabe aquelas incríveis que a National Geographic Wild faz em seus documentários, ou então a BBC? Então, tudo isso envolve a fotografia de vida selvagem, que consiste em capturar os animais em sua maior naturalidade, em seu habitat natural. Esse tipo de fotografia tem como princípio a arte da espera para obter a foto perfeita.
9. Fotografia Documental:
Também foi responsável pelo início e avanço da fotografia no mundo, a fotografia documental, como o nome diz, é responsável por documentar momentos e situações, como guerras. E pode ser um pouco confundida com o fotojornalismo (10).
10. Fotojornalismo:
Diferente, porém parecida com a fotografia documental. A questão é que o fotojornalismo exige urgência, enquanto a fotografia documental permite que você procure e encontre melhores cenários para a situação (mesmo que você não possa interferir na cena, assim como no fotojornalismo), essa segunda pede por cenas exatas nos momentos exatos que nem sempre são perfeitas, mas garantem o assunto principal como centro.
Os maiores fotógrafos da nossa história eram fotojornalistas ou fotógrafos documentais, como Dorothea Lange.
11. Fotografia de Rua:
Eu, em particular, adoro a fotografia de rua porque ela permite que eu capture as pessoas em seu cotidiano sem que elas sequer percebam. Você procura por momentos singelos que ninguém percebe e não sabe como eles irão se desenrolar. Esse tipo de fotografia permite o uso de diferentes lentes, não há uma regra.
Silence in chaos by Clara Barros on 500px.com
by Clara Barros

Esses são apenas alguns exemplos dos nichos de fotografia. Logo volto pra falar mais sobre eles.

You Might Also Like

0 comentários