Passando a Boiada: orçamento para o meio ambiente em 2021

02:28

 E mais uma vez, o governo surge para cooperar com a destruição do meio ambiente brasileiro. Como?

Dessa vez, por meio da apresentação do orçamento para o meio ambiente em 2021. Esse pode ser o menor orçamento desde 2000, caso seja aprovado pelo Congresso.

Enquanto o primeiro ato do presidente dos Estados Unidos é retornar ao Acordo de Paris, o Brasil permite invasão de terras indígenas, queimadas e redução no orçamento da área que ajudaria o país a avançar economicamente em acordos internacionais.

Como já dito aqui anteriormente na postagem "Tudo o que Ricardo Salles desfez", a crise climática no Brasil é ignorada por meio da extinção da secretaria de Mudanças do Clima e Florestas, e "boiada" do gado bolsonarista, continua passando.

O relatório lançado ontem (dia 22/01) pelo Observatório do Clima (composta por 56 organizações da sociedade) aponta o orçamento para 2021, com análises, além desse segundo ano de administração do governo Bolsonaro, voltando-se para a área ambiental. Vou resumir aqui brevemente o relatório, mas você também pode baixá-lo completo clicando aqui.
















Pela primeira vez, Bolsonaro cumpre algo que prometeu em campanha presidencial: acabar com o ministério do meio ambiente, colocando um homem tão terrorista quanto ele a frente.

You Might Also Like

0 comentários